Uma das coisas que nos apercebemos é que ainda há muito para andar em termos de qualidade de vídeo oferecida pelos fabricantes.
Estes comparativos entre vídeo RAW, oferecido pelo grupo Magic Lantern e o H264, oferecido pela Canon na 5D mark III, nos mostra onde estamos e onde podemos chegar.
Uma das diferenças que notamos, mesmo antes do detalhe/recorte é a cor. Essa diferença de cor na imagem se deve a que o H264 grava a 8bit enquanto o RAW grava a 14bit. Essa diferença pode ser verificada no vídeo e nas imagens a baixo.

Quantidade de cores
8-bit – 256^3 cores
10-bit – 1024^3 cores
12-bit – 4096^3 cores
14-bit – 16384^3 cores

No vídeo a baixo vemos tambem o crop na imagem de 3X e que fica perfeita para ser usada.
r1

r2

r3

Canon 5d Mark III Magic Lantern (Raw vs H.264) test 2:
Camera: Canon 5D Mk3
Lentes: Canon 24mm 1.4 e Canon 70-200mm 2.8
Cartão: Komputerbay 64gb 1000x

11 COMENTÁRIOS

  1. Realmente, a diferença salta aos olhos. Apesar de ter um workflow complicado, para projetos autorais o esforço é totalmente viável. O que é inevitável para gravar em RAW na 5D são os cartões de 1000x. Os meus são Lexar, e permitem até os 1920×1280 24p contínuos sem crop (e sem drop frame). Com crop, dá mais de 2K. Muita gente que trabalha com câmeras melhores vai dizer que a 5D é uma câmera fotográfica. E de fato, é. Mas o que a Magic Lantern fez pelas DSLR, é de ficar de boca aberta…

  2. Realmente, a diferença salta aos olhos. Apesar de ter um workflow complicado, para projetos autorais o esforço é totalmente viável. O que é inevitável para gravar em RAW na 5D são os cartões de 1000x. Os meus são Lexar, e permitem até os 1920×1280 24p contínuos sem crop (e sem drop frame). Com crop, dá mais de 2K. Muita gente que trabalha com câmeras melhores vai dizer que a 5D é uma câmera fotográfica. E de fato, é. Mas o que a Magic Lantern fez pelas DSLR, é de ficar de boca aberta…