O projeto Silica visa fornecer uma alternativa mais barata e de alta qualidade para preservar conteúdo digital a longo prazo

Uma das grandes preocupações da nossa profissão é a conservação das nossas produções.
Embora seja muito bom, o fotoquímico tem uma durabilidade limitada e precisa de uma conservação muito cara. Os suportes de disco rígido e SSD não são muito confiáveis e tornam-se obsoletos… por isso, continua a procura  por novos suportes profissionais para guardar o material a máximo de tempo possível .
A Microsoft e a Warner fizeram este teste sobre um suporte de vidro de sílica de 7,5cm x 7,5cm x 2mm, que foi submetido a muitas provas de durabilidade e lhes permitiu guardar todo o filme do Super-Homem (1978) na forma de grades e deformações tridimensionais em nanoescala resultando em 75,6 GB de dados .

O braço de pesquisa, Redmond, trabalhou com a Warner Bros para armazenar dados codificando-os com laser e, em seguida, usou algoritmos de aprendizado de máquina para decodificar imagens e padrões criados pela luz polarizadora enquanto brilhava através do vidro.

“Armazenar todo o filme do ‘Super-homem’ em vidro e poder lê-lo com sucesso é um marco importante”, disse Mark Russinovich, CTO da Azure. Para a Microsoft, o projeto se concentra no desenvolvimento de tecnologias de armazenamento de longo prazo para a nuvem, para atender às crescentes necessidades exponenciais e afastando-se da mídia magnética tradicional em favor de um vidro de sílica mais durável.

Leia mais na nossa pagina em inglês aqui