Por mais que se argumente contra ou a favor em relação ao tamanho do sensor ou a autonomia da bateria da BlackMagic Cinema Camera, uma coisa por certo todos concordam, a qualidade da imagem.
Depois do teste realizado por Marco Solorio, da Media Oneriver varias pessoas questionaram a qualidade da imagem da Canon 5D mark III e que ela poderia ser melhorada na edição utilizando o sharpness.
Por esse motivo o Marco Solorio realizou um novo teste onde podemos ver onde está um dos principais motivos para a BMCC ter melhor controle de imagem, isso se deve a gravação em 12-bit RAW contra os 8-bit usados por todas as HDSLR ou mesmo as novas Canon C100, C300, C500 e 1Dc.

Possivelmente poderão reclamar do tamanho dos arquivos em RAW de 12-bit, no entanto podem converter os arquivos para ProRes de 10-bit, que terão mais informação de cor que as HDSLR.

Quantidade de cores
8-bit – 256 cores
10-bit – 1024 cores
12-bit – 4096 cores

COMPARTILHAR
Premiado Diretor de Fotografia e filmmaker que vive em Bauru, São Paulo Estudou cinema na New York Film Academy; AIC Academia Internacional de Cinema de São Paulo. Fez Direção de Fotografia de diversos Longas Metragens e Documentários que foram exibidos na TV e participaram em festivais nacionais como Festival de Brasilia, Mostra Internacional de Cinema de São Paulo, Festival de Gramado, É tudo Verdade e festivais internacionais como: Festival Internacional Fronteiras, Festival de Cinema Los Angeles, Festival Internacional Del Nuevo Cine Latino-Americano Havana/Cuba, Cineteca Nacional do México, Festival FILMAR (Genebra/ Suíça ), Festin em Lisboa/Portugal. Destaque para o filme "Fome" que entrou em cartaz em 2016 em 10 cidades em 7 estados.