Trabalho realizado pela Episódio Emotion Video para a Maison Beta Ranzani, Com uma diária de gravação.
O catálogo em vídeo da nova coleção Maison Beta Ranzani, teve como modelos a Gabriela Pereira(Miss Paraná) e Lorena Toninato.

Produção – Mariana Ranzani e Roberta Carrenho
Imagens – Higor Barbosa – Jô Bucholz – Nilton Thiago – Jeff Bucholz
Direção – Jeff Bucholz
Edição – Jeff Bucholz
Direção geral – Beta Ranzani

Câmeras – T2i + 60D
Lentes:
– Canon 24-70 2.8L
– Canon 70-200 2.8L
– Canon 50mm 1.8
Acessórios: Glidecam 4000 HD

15 COMENTÁRIOS

  1. Tenho críticas para o vídeo. Sempre construtivas. Gosto muito de planos sofisticados, a produção contemporânea tem utilizado muitos enquadramentos que fogem a regra. Porém alguns são imutáveis. Exemplo: jamais se corta os membros do assunto. E há vários assim. O mais gritante é o que “degola” a modelo. Ou se corta do ombros para baixo ou dos ombros para cima. No meio do pescoço nunca! Olhos: Ou você mantem na cena ou não. Olhos cortados na horizontal é pecado. Mortal!
    Pelo título do vídeo, acredito que não é uma noiva, é uma modelo. Faltou um deslumbre no rosto. Coisa que noiva original faz muito bem.

    Pode melhorar, e muito!

    Abraço.

    • Caro Keko. A diferença sempre causou um certo tipo de estranheza nas pessoas. Como foi dito: O video é um catálogo dos VESTIDOS e não das MODELOS. Sendo assim, o importante é se mostrar os VESTIDOS e seus ACESSÓRIOS. A modelo é um complemento. Os assuntos principais são os VESTIDOS.
      Sempre que alguém inova, busca algo novo, um estilo próprio, é criticado por não seguir o padrão, e geralmente são esses, os que fogem do padrão, que crescem e se tornam grandes.
      Não estou dizendo que todos os que seguem o padrão, o ‘normal” são ruins.
      Conheço pessoas que trabalham nesse meio e que criticavam pessoas que usavam câmeras fotográficas para gravar casamentos, dizendo que elas eram loucas. E adivinha só? Hoje esses criticos fazem parte dos loucos.

      Sei que você tentou ser construtivo no seu comentário, mas não sei se alcançou seu objetivo.

      Quem sabe amanhã ou depois vc tbm não faça parte dessa turma?

      um abraço

  2. Olá Keko.. Muito Obrigado pelas Críticas.. sempre são bem vindas.. mas discordo de alguns pontos do seu comentário.. Sempre trabalhei seguindo essas regras(em TV e Conferências) e as conheço muito bem.. por isso creio que posso quebra-las(ainda mais quando meu objetivo é fugir da média e seguir um design artistico).. o mercado de casamentos(principalmente) no Brasil.. é preso em uma estrutura de ferro maciço.. em que poucos conseguem se soltar..eu diria que do mercado nacional cerca de 5% consegue se livrar ou menos ainda.. o restante por mais que digam ser diferentes.. são tudo iguais.. EX: um dia alguem neste planeta achou q torçer uma imagem dos “noivinhos” até os noivos.. seriam um movimento de câmera INOVADOR.. bem toda vez que assisto esse tipo de imagem fico com dor no pescoço.. como minhas referencias são do cinema as vezes que vi isso foi em filmes de terror! bem mas é uma regra nos videos de casamento por todo o Brasil.. outra coisa é Zoom.. como minhas referencias são filmes.. só vejo em filmes de ação dos anos 70.. nada contra quem usa.. só acho que deveria ser usado de forma mais consciente pelos colegas do meio… bem como vc disse realmente nào sào noivas.. nem um clipe de casamento.. mas um Catalogo em Video.. onde o objetivo nào é o sorriso da modelo e sim os acessorios e vestidos que elas estào usando.. muito Obrigado, Sei que tenho muito a melhorar..

    Ser preso a regras é um pecado. MORTAL!

    Abraço

  3. Sabe qual é a diferença de diretores como Steven Spielberg, Stanley Kubrick, Quentin Tarantino, James Cameron, Billy Wilder, e tantos outros… com os demais??? É simples, inovaram, renovaram e não ficaram presos a regras.

    Keko, não se pode julgar um trabalho artístico com olhos tão hediondos. Sua crítica, me lembra a algum tempo quando “especialistas” julgaram ser de Picasso algumas telas feitas por um macaco em um zoológico. Genial né?

    Não se arrisque arbitrar em defesa própria, é um erro!

    um abraço

  4. Nao esqueçam que TODA inovação tem limites e nao significa que soh pq inova, eh bonito. A discussão nao eh sobre oq eh certo ou nao e sim doq fik legal ou nao… concordo como Keko que nao fik legal inovar dessa forma em detrimento apenas da inovacao e nao da beleza (apesar de isso ser relativo, eu sei). Todos esses diretores ,Renan, inovaram sim! Mas suas obras sao maravilhosas, fantasticas, indiscutiveis, poderia eu dizer. E mesmo ELES, podem cometer o erro que eh inerente a inovacao. inovar eh sempre importante, mas devemos ter cuidado para nao cairmos nos bracos doq aconteceu na musica contemporanea (procurem esse termo no you tube e saberao doq estou falando). E outra coisa eh que este blog e engracado, o Helder coloca os videos para os profissionais da area analizarem, verem e dizerem suas opinioes, e quando alguem da uma opiniao diferente, contraria, a galera cai em cima, critica, deserda, insulta, como se todas as obras aqui fossem feitas por Deuses da cinematografia e indistcutevelmente perfeitas. Aceitem que existem coisas ruins e coisas boas. O mediano tbm existe e meu trabalho corre esse risco. Mas eh com o tempo que vamos crescendo e NUNCA alcansaemos a perfecao artistica, pois esta, nao existe! Abracos a todos!

  5. Caro Keko Sinclair, realmente percebe-se que você parou no tempo. Regras foram feitas para ser quebradas, e quem falou pra você que padrão tem que ser seguido?! E por favor, que papo é este de que “jamais se corta o ombro de um assunto’?!
    Os enquadramentos utilizados neste vídeo são simplesmente incríveis, a coragem de ser novo, e sair do quadrado que este diretor tem, é elogiável. Me admiro você, que em seu blog vive dando dicas para que os cinegrafistas sejam diferentes, inventem coisas diferentes para surpreender os noivos faça este tipo de critica a este trabalho, ou você trabalha com noivos que não aceitam o novo, ou você não aceita o novo. Não trabalho com eventos sociais, mas posso garantir que os videos que tenho visto de casamento aqui na região Sul que seguem este padrão, são os melhores. E outra coisa que já foi falada, não se trata de um video de casameneto, aliás, não se trata de um vídeo, pra mim o Jeff e sua equipe criaram um filme.
    Parabéns para equipe da EPISÓDIO, trabalho impecável.

  6. Boooom…
    Como esse vídeo, filme…chamem do quiser… é para o publico alvo de mulheres como eu, ou seja, NOIVAS, posso dizer que ficou simplesmente perfeito… vi o que queria e deveria ver, se cortou alguma parte do corpo ou se faltou deslumbre no rosto das modelos, não faltou nos meus olhos ao ver…. e só aumentou minha expectativa pelo meu dia, em que estarei usando um desses modelos de VESTIDOS E ACESSÓRIOS… acho que esse é o objetivo do “vídeo” não é?, se for, saibam… a EPISÓDIO alcançou com sucesso =D Parabéns!

  7. Jeff Bucholz, primeiramente quero parabenizá-lo pela postura profissional e coerencia ao ler meu comentário. Como eu disse, é construtivo e para somar. Jamais faço algo para humilhar ou diminuir alguém ou seu trabalho. Albert Ferreira disse tudo. Se você pede comentários, sabe que não há como agradar 100%. Cada um tem uma visão muito própria do mundo e é dessa forma que fazemos nossos vídeos. Com o que vivemos, aprendemos, cremos e entendemos. E é dessa forma que vejo. Liberdade total com 7 pecados capitais!
    Sempre fui estudante por natureza, inquieto, pesquisador. Por isso sempre o que escrevo é pensado e avaliado antes de apertar o “enter”. Me surpreendi pelas respostas ácidas e diminutivas dos demais comentaristas, estas sim perigosas e de visão no limite de seus muros. Afinal, como crescer, avaliar, questionar, confrontar se tiver que escrever, a cada vídeo colocado como avaliação, que está lindo e maravilhoso? Por isso é destes, que escrevem com desdenho a crítica alheia, que se deve ter cuidado. Não há o que amadurecer com eles. Sequer sabem interpretar um texto. Transformam uma opinião (solicitada pelo autor) em uma verdadeira inquisição.
    Ao Claudiomar Vill, fica aqui minha mais sincera decepção.

    • Me desculpe Keko se de alguma forma pareci ofensivo a sua pessoa. Mas como vc mesmo fala, quando se espera comentário ou quando se comenta algo com direito de resposta não podemos esperar 100% de aprovação. Acho válido criticar sim, mas criticar de forma a parecer que é o dono da razão, me preocupa.
      Mas, mais uma vez me desculpe, ou por ter interpretado mal seu texto, ou por já ter me decepcionado com você ha muito tempo atrás.

      Forte abraço.

  8. E olha que eu nem assisti o video. Sei que realmente deve ter ficado muito bonito mesmo. Hj em dia com essas DSLRs, dificilmente um video fica feio (gracas a Deus, adooro isso!!). Eu soh achei feia a atitude dos colegas acima. Ao autor do video, fik a dica para que vc cresca ainda mais e ganhe mais clientes e dinheiro e quem sabe, fama neh? Quem sabe, estamos comentando um video do novo genio do cinema brasileiro. Ngm cresce ouvindo elogios! Abracos!