[:pb]Estamos a poucos meses da temporada de casamentos e o clima é ideal para isso, os dias quentes significam lindas celebrações em ambientes fechados ou ao ar livre e o Instagram é inundado com maravilhosos vídeos e  fotografias de casamentos.

Com uma cultura cada vez mais obsessiva de mídia social e onde tirar uma foto é tão acessível quanto ter um telefone, é muito fácil cometer uma “gafe videográfica ou fotográfica” durante um casamento. Claro que quase todo mundo tem boas intenções ao participar de um casamento. No entanto, todos nós conhecemos alguém que estava um pouco ansioso para fazer vídeos ou tirar fotos com seu iPhone antes e durante a cerimônia.

Então fique longe da gafe do Século XXI em casamentos! Aqui estão 5 dicas do que o convidado de um casamento não deve fazer com relação a gravar ou fotografar o evento

1.Não ignore os avisos sobre a cerimônia ser Tec-free (sem uso de aparelhos eletrônicos)

A presença de smartphones (e cinegrafistas e fotógrafos de smartphones em ascensão) em ocasiões felizes, como casamentos, criou a necessidade de pedir aos convidados que não façam uso desses aparelhos para vídeos e fotos durante o evento.

Na tentativa de manter a festa de casamento e os convidados no momento, os casais optam cada vez mais por uma cerimônia sem o uso smartphones, até  mesmo em recepções ou qualquer evento pré-casamento. Seja qual for o caso, por favor … respeite qualquer pedido feito pelo casal feliz. E não, você não é exceção à regra.

2. Não bloqueie o cinegrafista ou fotógrafo.
 
Há uma boa chance (e isso é apenas um palpite) que qualquer imagem que você acha que vai conseguir não vai chegar nem perto de uma imagem de um cinegrafista ou fotógrafo profissional que leva com ele milhares de reais em equipamentos.

 

Com isso, durante a cerimônia, sente-se e concentre-se em conter as lágrimas. Durante a recepção, se o vídeo e fotografia forem permitidos, que sejam espontâneos e divertidos sem obstruir a visão dos cinegrafistas e fotógrafo.

3. Não “ajude” com a direção e as poses do casal ou convidados.
Deixe o cinegrafista e fotógrafo (ou seu assistente, se ele tiver um) fazer seu trabalho.
4. Não pergunte se você (ou alguém que você conhece) pode aprender ou acompanhar durante o casamento o trabalho do cinegrafista ou fotógrafo.
Embora seja incrível que você (ou alguém que você conhece) tenha interesse em vídeo ou fotografia, o casamento de alguém não é o momento de buscar instrução do cinegrafista ou fotógrafo que está trabalhando no casamento. O vídeo e a fotografia do casamento requer muita atenção. Os profissionais estão sob pressão para entregar imagens incríveis nessa cultura competitiva de mídia social. Um ambiente de trabalho livre de distração será muito bem-vindo.
 
5. Não tente sair na frente dos recém-casados compartilhando nas mídias sociais.
Se você vir uma placa ou aviso semelhante a este acima em uma recepção de casamento, você tem permissão para postar em mídias sociais. No entanto, e este é um grande no entanto, não é apropriado postar fotos do casal e da festa de casamento durante a cerimônia, durante momentos-chave (como cortar o bolo ou a primeira dança) ou ao fazer fotos em grupo .

Isso dá ao casal a chance de obter as fotos (e, provavelmente, o vídeo), onde eles gastaram um monte de dinheiro, escolhe-las e oficialmente publicar as suas favoritas. Pense que  postar vídeos e fotos do casal em mídias sociais antes deles é como dar um spoiler de um filme.[:en]Summertime means that wedding season is in full swing. The weather is ideal, hot days mean lovely indoor celebrations or awesome evening soirees, and Instagram gets flooded with jaw-dropping weddings photography.

With an increasingly social media obsessed culture and taking a photo being as accessible as one’s phone, it’s very easy to commit a wedding photography faux-pas. Everyone has good intentions when participating or attending a wedding; however, we all know someone that was a little too eager taking iPhone photos before and during the ceremony.

Stay 21st century wedding faux pas free! Here are our top five wedding guest photography DONT’S.

1- Don’t ignore tech-free ceremony requests.

The presence of smartphones (and budding smartphone photographers) at happy occasions, such as weddings, has created a need for guest-tech disclaimers.

In an attempt to keep the wedding party and guests in the moment, couples are increasingly opting for a tech-free ceremony (and even tech-free receptions and any pre-wedding events). Whatever the case, please…please respect any and all request made by the happy couple. No, you are not the exception to the rule.

2-  Don’t block the photographer.

 There’s a good chance (and this is just a hunch) that whatever shot you think you are going to get is not going to be anywhere near as good as one shot by a professional photographer lugging around thousands of dollars worth of equipment.
With that said, during the ceremony, take you seat and focus on holding back happy tears. During the reception, if photography is allowed, keep it light, spontaneous and fun without obstructing the photographer’s shot.

3- Don’t “help” pose the couple or guests.

Let the photographer (or their assistant if they bring one) do their job.

4- Don’t ask if you (or someone you know) can shadow the photographer.

While it’s awesome that you (or someone you know) has an interest in photography, someone’s wedding is not the time to seek instruction from the working wedding photographer. Wedding photography is stressful. Pros are under an incredible amount of pressure to deliver amazing shots in the a very competitive social media driven culture. A distraction free work environment will be greatly appreciated.
 
5- Don’t beat the Newlyweds to sharing on social media.
If you see a sign similar to one above at a wedding reception, you are granted permission to post on social media. HOWEVER, and this is a big however (hence, the all caps), one should lay off posting photos of the happy couple and wedding party during the ceremony, during key moments (like cutting the cake or first dance) or when taking group shots.
This gives the couple a chance to get the photos (and probably video) they shelled out a bunch of money for, go through the pictures, and officially post their favorites from the day. Think of beating the couple to posting on social media as spoiling a movie for someone.

[:]

2 COMENTÁRIOS